Educação Tecnológica

 

Educação tecnológica é uma modalidade de educação que é exercida, no Brasil, por instituições, como o Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia, o SENAI, e também de maneira difusa, através da propagação de conhecimentos, técnicas e instrumentos tecnológicos.

No sentido filosófico e epistemológico, a educação tecnológica pode ser diferenciada da educação técnica ou profissional. A educação técnica, ou profissional, procura a transposição de conhecimentos de um indivíduo ao outro visando o ajustamento ao trabalho e aos modos de produção. Neste sentido, a educação tecnológica pode ser conceituada como o ajustamento do indivíduo ao período histórico no qual vive, não somente no sentido de proporcionar-lhe conhecimentos para utilizar os instrumentos e as tecnologias existentes, mas também de posicionar-se e entendê-las de forma crítica.

De acordo com o MEC (1994), educação tecnológica é:

“…vertente da Educação voltada para a formação de profissionais em todos os níveis de ensino e para todos os setores da economia, aptos ao ingresso imediato no mercado de trabalho (…) a educação tecnológica assume um papel que ultrapassa as fronteiras legais das normas e procedimentos a que está sujeita, como vertente do sistema educativo indo até outros campos legais que cobrem setores da produção, da Ciência e da Tecnologia, da capacitação de mão-de-obra, das relações de trabalho e outros, exigidos pelos avanços tecnológicos, sociais e econômicos que tem a ver com o desenvolvimento.”